MARTIN MILLER’S

0
MARTIN MILLERS

Um dia, Martin Millers estava a um beber gin tónico com amigos num pub de Londres e reparou na falta de cuidado e qualidade com que era servida a bebida. Martin perguntou: “é assim que é servida a bebida nacional da Inglaterra? Sabem o que vou fazer? vou fazer o meu próprio gin!” Assim disse e assim fez. Martin Miller’s não quis apenas fazer mais um Gin no meio da “new wave” de gins, quis fazer o melhor Gin de todos. Para isso não olhou a meios para atingir os fins. Inovou nos métodos de destilação – separou os ingredientes para obter um sabor mais intenso de cada um – e o mais importante, usou a água mais pura de todas. E onde está a água mais pura de todas? Na Islândia. Soube Martin que a água da Islândia não tem qualquer poluição e é a mais suave que existe. Foi exactamente a água das nascentes da Islândia que Martin Millers escolheu para o seu Gin. Não se assustou com a distância e já que a água não podia viajar para a destilaria, levou a produção final dos ingredientes do gin desde Inglaterra até à Islândia onde o gin é engarrafado.

Sem Comentários

Recomendamos-lhe

dez gins essenciais

OS 10 GINS QUE TEM DE PROVAR

É aos nossos vizinhos espanhóis que devemos a redescoberta do gin e a sua apresentação de forma renovada, servindo-o num copo mais largo, e de ...