WHITLEY NEILL

0
Whitley Neill

John James Whitley Neill teve a sorte de descender de uma família ligada à destilação de gin: descendente de Thomas Greenall, fundador da destilaria Greenall’s. Desde criança cruzava-se com garrafas de gin repousadas silenciosamente atrás das escadas da casa da avó. Quando decidiu criar um gin, John James inspirou-se nas histórias que a sua esposa, africana de berço, lhe contava e que o fascinavam. Ouviu falar da árvore da vida (em Angola chamado de embondeiro), que dá o fruto baobá, e decidiu experimentar uma infusão com a polpa, que é levemente cítrica. Juntou também fisália, da África do Sul, e mais seis outros botânicos. O resultado é um gin britânico de pura alma africana. Recentemente a garrafa foi modificada e apresenta-se hoje numa roupagem ainda mais negra.

Sem Comentários

Recomendamos-lhe

dez gins essenciais

OS 10 GINS QUE TEM DE PROVAR

É aos nossos vizinhos espanhóis que devemos a redescoberta do gin e a sua apresentação de forma renovada, servindo-o num copo mais largo, e de ...